Seguidores

sábado, 24 de maio de 2014

EM BUSCA DA GRANDE VERDADE

EU E O OUTRO

     Eu sou importante para Deus e para o mundo. 
Tão importante que Ele nota até o fio de cabelo  que cai de minha cabeça.
Tão importante que Ele me ama e me amará para todo o sempre.
Tão importante que nunca houve, nem jamais haverá alguém como eu.
Sou único e sou quem sou assim como Deus é quem é.
Por isso, sou pessoa, eu mesmo, sempre serei eu mesmo.
Não posso ser nada mais do que eu mesmo.
E toda vez que eu tentar ser outra pessoa, que não eu mesmo, errarei.
Nasci para ser eu  e devo ser eu.
A opinião dos outros é importante, mas não pode me impedir de ser eu.
Por isso, não terei medo dos outros.
Não pedirei desculpas por ser eu.
Gosto de ser eu e quero ser sempre eu !
    Mas o outro também é importante! Muito importante! Fundamental!
Deus o ama tanto quanto ama a mim. Nem mais, nem menos.
Não posso esquecer nunca de  que ele é pessoa, ele mesmo!
Não posso exigir que ele seja eu.
Tenho que lutar para que ele seja ele.
Não posso impor a ele minhas crenças e meu modo  de ver  a vida.
Não estou na pele dele para decidir por ele.
Ele não deve me pedir desculpas por ser ele

O outro pode ser branco, negro, vermelho e amarelo, alto, baixo, gordo, magro, feio, bonito, homem, mulher,santo ou pecador, mau ou bom, meigo ou cruel, justo ou ladrão, assassino ou salvador de vidas.Maldoso, inocente, perverso.
Deus o ama, e eu tenho que amá-lo, mesmo que me custe muito.
Quer queira, quer não, ele viaja no mesmo barco que eu
Não posso viver  a vida toda do meu  lado do barco, fingindo não vê-lo.
Ele vai passar por mim. Vai me amar, rir de mim ou me odiar e ferir
E eu tenho que amá-lo, mesmo se tiver que me defender dele. 
O outro está no mesmo plano que eu. 
Devo amar a Deus sobre todas as coisas. Deus é sempre o primeiro.
Depois, devo amar o outro como a mim mesmo.
O outro não está nem acima, nem abaixo de mim
Somos diferentes e únicos na nossa individualidade, mas nossos direitos  são iguais: os dele, os dela e os meus.
O outro nunca será como eu quero, nem eu como ele quer.
Mas podemos colocar nossas vidas em comum; como-um, com-um.
Podemos ser: juntos
Quando isso acontecer, então eu serei mais eu e  ele será mais ele
Porque Deus, para quem crê em Jesus Cristo, é Trindade: e junto.
Três pessoas únicas e distintas, mas juntas, UM SÓ.
Quando Deus diz, o outro está implícito.
É isso que eu quero para mim
Sem o outro, eu não saberei ser eu
Sem o outro, eu não teria nascido.
Porque Deus é O GRANDE OUTRO e meus pais e meus irmãos são os outros mais próximos
 do meu eu.
Marido e mulher são dois outros que de tanto querer o outro, juntaram seu eu num grande nós
Essas coisas são difíceis de se viver, mas, se eu entender isso, provavelmente serei muito mais feliz.
Porque nunca mais me sentirei sozinho.

                                 Pe Zezinho SCJ.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...