Seguidores

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

HISTÓRIA DA SALVAÇÃO : ABRAÃO A JOSÉ

   O povo de Deus teve origem numa aliança feita entre Deus e um homem . Este homem era Abraão e sua esposa Sara.
    Aliança é um acordo, um compromisso de fidelidade, como as pessoas que se casam, fazem um compromisso e a aliança que usam no dedo é sinal deste acordo.
    Abraão era uma pessoa muito boa. Ele acreditava  em Deus, fazia sua vontade e por isso foi chamado " Amigo de Deus".
     Abraão atendeu ao chamado de Deus e enfrentou todas as dificuldades, sem medo.
 Diz a Bíblia que um dia Abraão recebeu uma promessa de Deus: Ele seria o pai, o iniciador de um grande povo. Mas para isso teria que deixar o seu país.
     " Deixa teu país e vai para a terra que te mostrarei. Farei de ti um grande povo. Eu te abençoarei e engrandecerei teu nome".( Gn 12, 1-2).
      Abraão e Sara já eram idosos e não tinham filhos. Por isso ele não entendeu como ele poderia ser pai de um grande povo. Mesmo assim acreditou na palavra de Deus e partiu para a terra que lhe havia sido prometida.
      Abraão morava em Ur, cidade próxima de ao Golfo Pérsico e a terra prometida era Canaã; mais tarde chamada Palestina. Apesar de idosos Abraão e Sara tiveram um filho. Ficaram tão felizes que deram o nome de Isaac que significa "riso", 'alegria".
      Isaac, quando moço, casou-se com Rebeca;  desse casamento nasceram Esaú e Jacó.
Jacó, por sua vez, foi pai de 12 filhos. Assim começou o grande povo que Deus havia prometido a Abraão.
      Esse povo recebeu vários nomes no decorrer da história:
* Povo de Deus
* Povo Escolhido
*Povo Israelita ou Israel
* Povo Hebreu
* Povo Judeu


RESUMINDO: Abraão casou-se com Sara
                           Abraão recebeu de Deus uma incrível promessa
                          Abraão e Sara saíram  da cidade  onde viviam e partiram para Canaã
                           Nasceu Isaac filho de Abraão e Sara
                           Isaac casou-se com Rebeca e tiveram  dois filhos: Esaú e Jacó
                           Jacó teve 12 filhos e um deles era José.
                           Assim começou a se formar o povo de Deus



1--Qual foi a orem que Deus deu a Abraão?

2--Qual era  o nome da esposa de  Abraão?
3-- Deus mandou Abraão olhar para o céu e fazer o que?

4--Como se chamava o filho de de Abraão e Sara?

5-- Como podemos fazer para ser uma estrelinha  da família de Abraão?

                                       JOSÉ


     José era o penúltimo filho de de Jacó, era o filho predileto, seus irmãos tinham inveja e um dia  quando estavam trabalhando, José foi procurá-lo a pedido do pai. Quando  o viram se aproximar decidiram que iriam acabar com ele, mas como  não tinham coragem de matá-lo o venderam  e voltando para casa disseram ao pai que o irmão havia sido morto por um animal feroz .
   No Egito José foi vendido para  Potifar, que era oficial da guarda do Rei. Com esforço e dedicação José se tornou administrador da casa  e dos demais escravos da casa do oficial. Porém, a mulher de  Potifar desejou seduzi-lo, mas como José a recusou ela passou a acusá-lo e fez com que ele fosse preso.
   Na prisão, José interpretava os sonhos  dos outros prisioneiros, e então um dia o rei do Egito teve um sonho e ficou sabendo de José e o chamou para decifrá-lo.
   Após José dizer ao rei que seu sonho dizia que eles teriam 7 anos de fartura e depois 7 anos de  miséria no Egito, o rei o chamou para para ser   governador , para ajudar a estocar os alimentos para se prevenir dos 7 anos que viriam de miséria.
    Passou-se  os anos e chegou os 7 anos ruins, quando várias caravanas iam ao Egito para comprar seus alimentos, porque no resto das cidades não tinham.
      José era o encarregado de vender. Um dia , seus irmãos foram comprar seus alimentos e José logo os reconheceu, mas seus irmãos não. José os tratou friamente e os acusou de serem espiões, fazendo eles trazerem seu irmão mais novo que não tinha vindo para provar que não eram; mas tudo não passava de um plano  de José. Depois de trazerem Benjamim, ele os deixou ir, porém colocou o dinheiro em suas sacolas para acusá-los de roubo; então quando os guardas veem eles dizem que vão prender Benjamim. E é nessa hora que seus irmãos não deixam, porque ele era o segundo filho preferido de seu pai e se Benjamim não voltasse para casa, assim como José, seu pai não aguentaria, podendo até morrer, e então José vê que eles  se arrependeram e conta a verdade. Então pede que vão buscar seu pai Jacó e todos vão morar com ele.









quinta-feira, 20 de agosto de 2015

DÍZIMO, FONTE DE BENÇÃOS

Abençoar é uma ação Divina, que dá a vida e da qual Deus é a fonte!
Desde o princípio, Deus abençoa os seres vivos, especialmente o homem e a mulher.
Deus abençoa a quem reparte o que tem, mesmo tendo pouco.
Contribuir com o dízimo é atrair bençãos de Deus para si, para a família e para a Igreja.
 Deus promete no  Antigo Testamento, graças abundantes àqueles que repartem o que tem.
A promessa de Deus, de abençoar quem é generoso, pode ser sentida e experimentada também hoje: quem reparte tem sempre mais, quem acumula, tem cada vez menos  diante de Deus.
 Para Deus, dividir é somar, é multiplicar. Deus olha o coração e sabe quando ofertamos nosso dízimo com fé e espírito de gratidão.
 O Dízimo é uma estrada de mão dupla: à medida que somos generosos, Deus também é generoso conosco. Só recebemos quando damos.
Fazei a experiência, diz o Senhor dos Exércitos, e vereis se não vos abro os reservatórios do céu, e se não derramo a minha benção sobre vós, muito além do necessário ( Ml 3,10)
                           
 ORAÇÃO DO DIZIMISTA

Senhor dá-me INTELIGÊNCIA para entender o que é o dízimo;
CORAGEM para vencer o egoísmo e doar alegremente meu Dízimo;
COMPREENSÃO para receber o verdadeiro significado da prática da partilha;
SABEDORIA para não me apegar demais aos bens materiais;
DISCERNIMENTO para compreender o sentido da gratidão de Deus;
para acreditar que Deus ama a quem dá com alegria.
AMÉM!


terça-feira, 18 de agosto de 2015

ALIANÇA: O PACTO DA AMIZADE

      A palavra  ALIANÇA, tem um conceito muito rico. Podemos traduzi-la por: pacto, vínculo, comunhão, união, diálogo, casamento, tratado, compromisso.
       Da primeira à última página da Bíblia aparece a Aliança que Deus fez com os homens em seus diversos aspectos : promessas com os Patriarcas, Aliança no Sinai com  Moisés, compromisso de fidelidade, infidelidade do povo à Aliança, crises....até chegar a Nova Aliança com Jesus  Cristo.
       Assim como no casamento, a aliança serve para " selar" o compromisso entre o casal, na Aliança de Deus existe um sinal externo que sela esse pacto de amor.
       Com Abraão,  o sinal da aliança foi o sangue de animais sacrificados. A aspersão no altar e no povo criava um laço de vida sagrada (Êxodo 24,7-8)
        Com Moisés, a Aliança ficou   gravada numa pedra da Lei ( os dez mandamentos). A saída do Egito foi o ponto de destaque na História de Israel. A Aliança do sinai  é a mais importante  do A>T. Esta  Aliança é diferente das outras, é condicional.


                "Deus é o nosso Deus e nós somos o teu povo, por isso somos todos irmãos, tendo um único Deus".
        

             Isso  exige uma contínua fidelidade , vigilância e compromisso.
             A Nova Aliança é gravada no Espírito Santo é selada como sangue de Jesus. 
            

Deus quer fazer uma Aliança com o seu povo, isto é, deseja reunir o povo para caminhar com Ele, para que, nunca mais, o povo seja escravo de ninguém.
Deus se compromete a ajudar seu povo: " Eu serei o teu Deus  e tu serás o meu povo" ( Ex 6, 7) .
O homem, por sua vez , aceita a amizade  Deus  e promete aderir  à sua vontade.
Na Bíblia encontramos o que aconteceu com a Aliança. Ela nos mostra duas coisas:
       -DEUS nunca falha. Sempre ama a gente apesar de esquecermos da Aliança.
       -O homem falha, desobedece, quebra a Aliança

Por isso:
     
        - Se afasta de Deus, se faz escravo e escraviza os outros homens;
        -Provoca divisões: ricos, pobres, rancos, negros, jovens e velhos.
        - Mata ou maltrata os irmãos
        - Mata as crianças inocentes.









ALIANÇA: O PACTO DA AMIZADE

      A palavra  ALIANÇA, tem um conceito muito rico. Podemos traduzi-la por: pacto, vínculo, comunhão, união, diálogo, casamento, tratado, compromisso.
       Da primeira à última página da Bíblia aparece a Aliança que Deus fez com os homens em seus diversos aspectos : promessas com os Patriarcas, Aliança no Sinai com  Moisés, compromisso de fidelidade, infidelidade do povo à Aliança, crises....até chegar a Nova Aliança com Jesus  Cristo.
       Assim como no casamento, a aliança serve para " selar" o compromisso entre o casal, na Aliança de Deus existe um sinal externo que sela esse pacto de amor.
       Com Abraão,  o sinal da aliança foi o sangue de animais sacrificados. A aspersão no altar e no povo criava um laço de vida sagrada (Êxodo 24,7-8)
        Com Moisés, a Aliança ficou   gravada numa pedra da Lei ( os dez mandamentos). A saída do Egito foi o ponto de destaque na História de Israel. A Aliança do sinai  é a mais importante  do A>T. Esta  Aliança é diferente das outras, é condicional.


                "Deus é o nosso Deus e nós somos o teu povo, por isso somos todos irmãos, tendo um único Deus".
        

             Isso  exige uma contínua fidelidade , vigilância e compromisso.
             A Nova Aliança é gravada no Espírito Santo é selada como sangue de Jesus. 
            

Deus quer fazer uma Aliança com o seu povo, isto é, deseja reunir o povo para caminhar com Ele, para que, nunca mais, o povo seja escravo de ninguém.
Deus se compromete a ajudar seu povo: " Eu serei o teu Deus  e tu serás o meu povo" ( Ex 6, 7) .
O homem, por sua vez , aceita a amizade  Deus  e promete aderir  à sua vontade.
Na Bíblia encontramos o que aconteceu com a Aliança. Ela nos mostra duas coisas:
       -DEUS nunca falha. Sempre ama a gente apesar de esquecermos da Aliança.
       -O homem falha, desobedece, quebra a Aliança

Por isso:
     
        - Se afasta de Deus, se faz escravo e escraviza os outros homens;
        -Provoca divisões: ricos, pobres, rancos, negros, jovens e velhos.
        - Mata ou maltrata os irmãos
        - Mata as crianças inocentes.









ABRAÃO

      Abraão era um homem muito bom e obediente a  Deus. Um dia, Deus lhe disse:" Deixa tua terra, teus parentes, vá para uma terra que Eu vou indicar.
     Faça isso e eu farei de ti pai de uma grande nação. Você será uma benção, o mundo inteiro será abençoado por ti. Abraão poderia não  aceitar, mas como tinha muita confiança  em Deus, arrumou suas coisas, levou  Sara sua esposa, Ló seu sobrinho, seus rebanhos, seus escravos e toda sua riqueza. Já imaginaram? . Abraão, já estava com  75 anos, ele era rico, morava com a família e agora ter que ir para uma para uma terra desconhecida? Mas ele não duvidou , obedeceu a Deus e partiu porque sabia que Deus  cumpriria sua promessa.
      Abraão foi caminhando, caminhando e Deus apareceu novamente  e disse: " Eu vou fazer de ti uma grande nação e vai ser tão grande, assim como as estrelas do céu e como a areia do mar.
      Abraão, confia em Deus e acredita que tudo pode para aquele que acredita. Mas Abraão e Sara não eram totalmente felizes, pois não tinham filhos. Deus disse a Abraão novamente que ele seria o pai de uma grande nação . Abraão não entendia como ele poderia ser pai de muitos filhos, pois ele e Sara já eram de idade bem avançada e ainda não tinham filhos, mas Deus promete um filho a Abraão e cumpre sua promessa.
      Abraão e Sara deram o nome a seu filhinho de  Isaac que significa alegria, riso. Isaac foi a primeira estrelinha e o primeiro grãozinho de areia para formar aquele grande povo.
      Abraão foi o primeiro a acreditar em  Deus e a por  Nele toda sua fé e confiança; por isso Abraão é conhecido como o pai da fé.
      Nós também somos descendentes de Abraão, também somos convidados a ter a coragem da mudança e da obediência à Palavra de Deus.
      Certamente a nós está guardada uma grande benção.
   


PEDRO ,O CHEFE DA IGREJA

       A Igreja precisa ter um chefe. O Chefe Supremo é Jesus Cristo. Mas quando subiu ao céu, o Senhor deixou um Apóstolo no seu lugar  como chefe geral de sua Igreja.
        E esse chefe não foi escolhido na última hora. Assim que começou a organizar  a Igreja, Jesus já estava de olho no Apóstolo que Ele iria escolher para ser seu representante. Era Simão, depois chamado Pedro.
       Logo nos primeiros dias, Jesus olhou para Simão e lhe disse: " Você se chama Simão, mas vai chamar-se CEFAS( Jo 1,42)". Cefas quer dizer pedra ou rocha . Rocha firme, sobre a qual se   pode construir uma casa.
       Jesus queria dizer que  Pedro era com uma dessas rochas sólidas , sobre a qual iria construir sua Igreja. Tanto é que passado algum tempo, Cristo disse à Pedro, diante de todos os outros Apóstolos:
        " Você é Pedro, e sobre esta pedra construirei a minha Igreja. E o inimigo jamais conseguirá destruí-la. Eu lhe darei as chaves do Reino dos Céus; o que você ligar na terra, será ligado nos céus e o que  você desligar na terra, será desligado nos céus" ( Mt 16, 18-19)
       E antes de subir ao céu, Jesus entregou  a Pedro o governo geral da Igreja. O Senhor comparou  a Igreja a um grande rebanho e mandou que  Pedro tomasse conta de todas as ovelhas. ( Jo 21, 15-17)


domingo, 26 de julho de 2015

JESUS QUER COLABORADORES

   Jesus salvou o mundo. Mas, Ele quer mensageiros para anunciarem a salvação a todos os homens. Por isso fez a Igreja e na Igreja escolheu homens que O ajudassem. Seus primeiros colaborador foram os Apóstolos . Começou assim: Jesus estava andando pela praia do Mar da Galiléia e viu dois homens pescando: Simão ( Pedro) e André, seu irmão. Então lhe disse: " Venham comigo e Eu farei de vocês pescadores e homens! Eles deixaram a rede e imediatamente seguiram Jesus" (.Mt 4, 19-20).
    O Senhor continuou andando pela praia. Mais adiante viu outros dois  irmãos: Tiago  e João , filhos de Zebedeu. Estavam na barca consertando  a rede com o pai. Jesus os chamou. Eles também, deixando a barca e o pai, seguiram o Senhor (Mt 4,18-22).
    Outra vez, Jesus estava passando por uma rua de Cafarnaum e viu um homem cobrando impostos. Chamava-se Mateus ou  Levi. Jesus lhe disse, sem mais nem menos: Segue-me. Mateus levantou-se e O segui imediatamente.(Mt 9,9).
   Chamando um daqui, outro dali, o Senhor juntou 72 discípulos. Aí os enviou dois a dois, a todas as cidades e aldeias por onde Ele deveria passar ( Lc 10,1). desses 72, Jesus escolheu doze, que se chamaram Apóstolos. Eis os nomes dos 12: Simão (Pedro) e seu irmão André, Tiago (maior) e João, filhos de Zebedeu, Filipe e Bartolomeu(Natanael), Tomé e Mateus( Levi) Tiago (menor, filho de Alfeu,Simão o Zelota e Judas Tadeu ,e Judas iscariotes, o traidor( Lc 6, 12-16).




 PARA REFLETIR





" Apóstolo quer dizer enviado", É alguém de inteira confiança de Jesus. Um amigo que o Senhor escolhe e envia em seu nome. Tal é essa amizade e confiança, que Jesus toma como feito para Si, tudo o que fizerem aos seus Apóstolos.
   " Quem ouve vocês, é a Mim que  ouve;quem rejeita vocês, é a  Mim que rejeita"( Lc 10, 16).
Também nós: Às vezes, as palavras Discípulos e Apóstolos significam a mesma coisa. Costuma-se também dizer " Apóstolo" a todo cristão que exerce uma atividade apostólica na  Igreja. Por exemplo: O catequista.
     De fato,Jesus não chama somente os padres para trabalhar em sua  Igreja. Todo o Povo de Deus é chamado a colaborar. Cada um tem seu dom e seu serviço na comunidade. Ninguém pode ficar de fora.

O Padre: Neste encontro, porém,  estamos falando especialmente  daqueles que se consagram sua vida à serviço de Deus d maneira total.. São os padres. Como os Discípulos e os Apóstolos , os padres
 deixam tudo para seguir  Jesus.
               O padre, ensina em nome de Deus, celebra a missa, perdoa  os pecados, oriente as pessoas, conforta os doentes, ora pelo povo, abençoa em  nome de Deus e dirige a comunidade cristã.
               É por isso que o padre não se casa: para poder dedicar-se inteiramente ao serviço de Deus.  Quem é casado está com seu tempo dividido . Precisa cuidar de sua família.. Jesus disse: "Todo aquele que deixar casas, irmãos ou irmãs ou pai ou mãe ou terras,por causa de mim, receberá muito mais e terá o céu com herança" ( Mt 19,29).



A Igreja é como uma árvore. Suas raízes estão em Abraão,o tronco é Jesus Cristo e os galhos são os  Apóstolos. A Igreja  Católica é Apostólica porque espalhou-se pelo mundo através da pregação dos Apóstolos, os quais se tornaram o fundamento da Igreja ( Ef 2,20). O Papa é o ponto de unidade da Igreja.

VAMOS RECORDAR

- Como Jesus chamou os primeiros Apóstolos?
- Que significa "discípulo"?  E "Apóstolo?
- Quais Apóstolos eram pescadores?
- Que fazia Mateus? Qual era seu outro nome?
-Quantos discípulos Jesus tinha?
- Diga os nomes dos doze Apóstolos.
 
QUEM SOU EU?

- Que serviço faço na comunidade?
- Qual a minha vocação?
- Sinto-me chamado para ser padre? Missionário? Irmã?
-Sigo o Evangelho em minha vida?


ORAÇÃO

Ó Deus que não queres a morte do pecador, e sim que converta e viva, nós te suplicamos, pela intercessão da Bem- Aventurada Virgem Maria. de São José, seu esposo e de todos os  santos que nos concedas um maior número de operários para tua Igreja, que trabalhando com Cristo, se dediquem e sacrifiquem pelas almas. Por Jesus Cristo, na unidade do Espírito Santo. Amém!

 









Também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...