Seguidores

terça-feira, 15 de maio de 2018

ATIVIDADES




ESPÍRITO SANTO E SEUS DONS

        O Espírito Santo é a vida de Deus em nós. É Ele quem nos atrai para Deus, que nos faz afastar do pecado. Pela ação do Espírito Santo nos tornamos pessoas pessoas corajosas e capazes de amar. Em nosso Batismo recebemos o Espírito Santo com suas graças e seu dons; por isso somos capazes de ver as coisas certas e erradas.
      Dom é um talento ou capacidade especial que recebemos de Deus para nosso benefício e para o bem da comunidade. De forma especial, o Espírito distribui esses dons entre as pessoas, Todos os dons devem ser colocados a serviço dos outros, pois ninguém se basta a si mesmo.Os dons do Espírito Santo são um carinho de Deus para conosco e também um desafio.
    Receber  o dom do Espírito  Santo é o mesmo que receber uma missão:  A de se colocar a serviço de todos, principalmente dos mais pobres. Nós recebemos esses dons que são muito importantes  em nossa caminhada na estrada de Jesus. ( 1 Cor 12, 6- 11). Receber esses dons é nos tornar responsáveis, fortalecidos  e comprometidos com Jesus, com a Igreja e com os irmãos.
    São 7 os dons do Espírito Santo :Sabedoria,Ciência, Fortaleza, Piedade, Entendimento,Conselho e Temor de Deus.
    Cada pessoa na comunidade recebe um dom, por isso cada um sendo o que é e fazendo o que pode, age para o bem da comunidade, colocando-se a serviço da comunidade.
     Esses dons , quando bem vividos gera os frutos que são:Caridade(amor),Alegria,Paz,Paciência,Amabilidade,Bondade,Mansidão,Fidelidade,Domínio próprio.
  Os dons são presentes de Deus e os frutos são o cultivo desses dons. Os frutos são os hábitos e princípios misericordiosos, são produzidos pelo Espírito Santo em cada cristão., os frutos provam a verdadeira santidade.






VIVER NO ESPÍRITO SANTO

    A total intimidade de Jesus com Deus Pai tomou de surpresa seus amigos, que não podiam conceber tamanha liberdade na relação de um ser humano com Deus.
    Tendo cumprido sua missão, Ele enviou o Espírito Santo sobre a  Igreja e sobre  o mundo todo.
     Jesus falava de Deus como um Pai que é fonte de onde provém toda  vida  e de um Espírito que era o elo de toda intimidade com esse Pai.Ele contou que dessa fonte do Pai havia brotado toda a criação e que o Pai a amava muito. A tal ponto de enviar seu próprio Filho, juntamente com seu espírito Santo, para que  ambos, cada um a seu modo, falassem desse amor do Pai ao mundo.
     Manifestado sobre a Igreja em Pentecostes, o Espírito rompeu todas as barreiras de tempo e de espaço. Então  todo espaço tornou-se sagrado e todo tempo se fez tempo de salvação.
     O Espírito Santo é a recordação da palavra viva que é Jesus, de modo que. através Dele , Cristo Salvador continua sempre presente na Eucaristia, nos sacramentos  todos,nos irmãos e nas Escrituras. Toda a Bíblia mostra claramente que Deus" nos amou primeiro" ( 1Jo, 10-19) , por isso sempre vem em busca  de nós.Pentecostes nos mostrou que, é pelo Espírito Santo que Deus quer continuar a habitar em cada um.
     O Espírito Santo, presente em nós, faz-nos participar da vida de Deus, divinizando-nos  e ao mesmo tempo, tornando-nos profundamente humanos.. A vida  divina humanizada em nós pelo Espírito, tal como foi no Filho, enche-nos de coragem e de firmeza para ajudarmos este mundo a se transformar em Reino de Deus.
      Participando da vida Divina, nós nos tornamos também filhos de Deus. Na graça do Espírito Santo, podemos também conhecer à Deus numa relação e intimidade, como duas pessoas que se amam.
     Totalmente confiados e abandonados em Deus, cresce em nós a misteriosa liberdade do Espírito Santo, que vai nos amadurecendo.. Maturidade e liberdade são, marcas fundamentais da vida filial no Espírito. Ele age em nós através  de nossas condições e capacidades humanas, fazendo  aparecer em todo  nosso ser belos frutos de amor,alegria,longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão e autodomínio. Todos sinais próprios dos que vivem n maturidade do Espírito e são de Cristo. As Escrituras mostram que, com poucas exceções, a experiência do Espírito Santo acontece no mais simples e rotineiro de nossa vida, tornando sempre maravilhosa  a rotina de cada momento.


( Pe Osmar Cavaca)

domingo, 13 de maio de 2018

ASCENSÃO DE JESUS

 






















RECONHECERAM-NO AO PARTIR O PÃO

Podemos dizer que a missão de Jesus tem duas finalidades: ser a imagem do Deus invisível e ser a imagem do ser humano restaurado.
  Depois da Ressurreição, os apóstolos começaram a compreender estas coisas, mas sobretudo as atitudes de Jesus antes de sua morte na cruz: Ele caminhou com a humanidade, e nem todos reconheceram sua divindade. Ele foi tão humano que chocou a desumanidade de alguns, causando-lhe uma morte desumana .
  Contudo, foi reconhecido ao partir o pão. Este reconhecimento se deu porque Jesus é o Pão  que alimentou a humanidade faminta de conhecer Deus. Seu Corpo é Pão que nos faz, hoje, experimentar, pela fé, a presença de Deus em nós. Pelo Pão que recebemos experimentamos o Corpo de Jesus, sua divindade e humanidade. Se somos Igreja, o Corpo de Cristo, somos também Pão. Certamente , o mundo reconheceria o " Deus-conosco" se nós cristãos repartíssemos mais nosso pão, nossa vida, nossa esperança, nossa fé e nosso amor.     Pe David Ferreira







PENTECOSTES

        
     Pentecostes é a festa que acontece 50 dias após a Páscoa.Os discípulos de Jesus estavam reunidos na mesma sala em que  tinham celebrado a última Ceia. Jesus lhes havia prometido o Espírito Santo, força Divina para que pudessem anunciar o Evangelho com coragem.
Os discípulos estavam reunidos em oração , tristes e pensando que seria o fim. Neste dia aconteceu a descida do Espírito Santo sobre eles.Foi uma grande manifestação do poder de Deus. O Espírito transformou o coração e a mente dos discípulos habilitando-os para  a missão de anunciar o Evangelho de Jesus Cristo e de testemunhá-lo com a própria vida.
   O vazio e a tristeza deixados por Jesus foram transformados por alegria e coragem.
Pentecostes é a festa em que marca o início da missão da Igreja. Esse envio é simbolizado pelo vendaval , é simbolizado também pelas línguas de fogo.  A comunidade não evangeliza sem a força do Espírito, nem o Espírito sem o testemunho da comunidade. é uma tarefa em que Deus e os homens têm que se dar as mãos.. Assim foram formando as primeiras comunidades que manifestavam sua fé em Jesu Cristo, vivendo  unidos, repartindo tudo entre si com alegria e rezando juntos.
  Por força do  testemunho, estes cristãos fizeram brotar no coração daquelas pessoas que não tinham fé  em Jesus Cristo Ressuscitado, a grande interrogação: por que eles viviam daquela maneira? Muitas vezes não se convence só com palavras, mas quando se usa a prática , a vivência, todos entendem. O testemunho deles foi  viver tudo aquilo que pregavam.."Era um só coração e uma só alma...tudo era posto em comum entre eles".( At 4, 32-33).
          Todos nós cristãos somos chamados a dar testemunho da nossa fé com nossa vivência,



terça-feira, 5 de abril de 2016

OS SACRAMENTOS- Sinais do amor de Deus

       BATISMO - Nos dá a identidade de Cristãos pela força do Espírito Santo. Então passamos a fazer parte  da comunidade dos cristãos que se chama Igreja. Todo cristão é chamado a  testemunhar Jesus na comunidade e em toda parte. Como cristãos, continuamos a missão dos Apóstolos, sendo testemunhas de Jesus em casa, na escola, na vizinhança, na rua e em todos os ambientes. Em todos os lugares em que  a gente for, temos que mostrar a nossa alegria de ser cristão, de ser parecidos com Jesus, de pensar, de sentir, de falar, de olhar sempre do jeito de Jesus.

       EUCARISTIA - É o alimento, ninguém vive sem se alimentar. Para viver , dependemos não só da comida, mas também do pão da fraternidade, do carinho, da justiça. Nessa experiência de repartir o pão de cada dia, seja o pão de trigo, seja o pão da dor ou da alegria, Deus está presente.
      Celebrar a Eucaristia é também uma denúncia  contra a falta de  fraternidade que existe no mundo, porque na Eucaristia comemos do mesmo pão, quando na vida falta pão para tanta gente. Acreditamos e celebramos tudo isso na comunhão. A Eucaristia é Deus mesmo se repartindo como pão na doação de Jesus.
" Portanto não vivais preocupados dizendo: Que vamos comer? Que vamos beber? Como nos vestir? Os pagãos  é que vivem procurando todas estas coisas . Vosso Pai que está nos céus sabe  que precisais de tudo isso. Buscai em primeiro lugar o Reino de Deus e a sua justiça, e todas essas coisas vos serão dadas  por acréscimo." 

PENITÊNCIA -  É reconciliação com Deus e com os outros, é a volta. Quase todo dia dia a gente cai e se levanta. Pequenas quedas e grandes tombos. Ninguém quer ficar no chão. A gente pisa em falso porque não enxerga bem os passos e o caminho de Jesus. Erramos de caminho. Atrapalhamos a caminhada uns dos outros. Deus sempre dá a mão para a gente se deixar conduzir. No  sacramento da Penitência celebramos a coragem de pegar de novo na mão de Deus e voltar a andar no caminho Dele.

CRISMA - Confirmação e Compromisso de Apóstolos com a Igreja e o mundo. O cristão, hoje é chamado a tomar consciência pessoal do que significa para ele o Sacramento e dos compromissos que tem de viver.A Crisma é a força de Deus. Nós só conseguimos viver porque Deus nos dá essa força. Essa força de Deus é o Espírito Santo agindo em nós. Na Igreja, a experiência de nossa vida é celebrada no sacramento da Crisma é o sacramento do cristão que está amadurecendo na fé.

ORDEM ou SACERDÓCIO - Todo dia precisamos de  ajuda de pessoas para viver com a gente. orientar, mostrar o caminho. Essas pessoas nos ajudam a alimentar a fé, acreditar na esperança, esperar na fraternidade. Tem gente que se dedica a este serviço. Vive para isso. O padre é um exemplo  Dedicação por excelência, só a de Deus. Deus se dedica tanto que  chegou a confiar seu próprio Filho a nós,a aceitar que ele morresse na cruz por nós. Tem gente que consagra sua vida para mostrar aos irmãos esse grande amor de Deus. No sacramento da Ordem, quando o bispo impõe as mãos  sobre aquele escolhido    enxergamos o grande amor de Deus por nós.

MATRIMÔNIO - Ninguém consegue viver sem a presença e a amizade de outras pessoas. Ninguém está sozinho. No matrimônio ( casamento) , essa amizade é repartida entre o marido e a mulher: é repartida entre o casal e os filhos, e com a comunidade onde vivem. O mais difícil no amor é permanecer firme nele. Só Deus mesmo é capaz de ser sem defeito, fiel e amoroso. Quando ao casal é fiel no amor, é um grande sinal de Deus. Deus está presente no amor do  casal. Receber este sacramento é comprometer-se por toda a vida.

UNÇÃO DOS ENFERMOS -  A doença nos mostra quer somos limitados. Deus cura a doença e a raiz da doença. Deus está presente em nosso esforço de arrancar o mal pela raiz.Jesus sentia grande compaixão dos doentes. Pois frequentemente de ocupava com eles, curando-os dos seus males. A Unção dos Enfermos não é um rito  de consagração como o Batismo  e a Crisma. É um conforto num momento de dor e sofrimento. Esta unção é feita no sentido da cura das doenças e no perdão dos pecados.

 Nossa vida física processa-se por etapas que costumamos solenizar( Nascimento, aniversário, casamento etc.. ) Cristo também escolheu para sua Igreja acontecimentos significativos para marcar as etapas da vida espiritual das pessoas e as consagrou. Pelo sacramento quer estar conosco e manifestar o seu amor.
- Para comemorar o nascimento - BATISMO
-Para celebrar  a iniciação à vida adulta -CRISMA
- Para festejar a reconciliação com Ele e com os irmãos  deu-nos  a - CONFISSÃO
- Para consolidar e abençoar o amor  de um homem e de uma mulher -MATRIMÔNIO
- Para aqueles que serão seus ministros -ORDEM ( SACERDÓCIO ) -
- Para celebrar a alegria e a união de todos - EUCARISTIA
- Para reforçar a coragem na hora da dor - UNÇÃO DOS ENFERMOS.

PARA REFLETIR

    Acho que um dia, lá no infinito alguém me chamou e disse:" prepara a tua descida. Vai, estuda muito,  prepara a tua vida para um futuro de lutas e embates contra  os teus defeitos e vícios que são muitos. Desce na terra, este pequenino planeta e veja como as lutas são desiguais. Ainda está muito longe a fraternidade.
   Os espíritos ou almas, como queira ainda são muitos gananciosos, viciosos, preguiçosos. Não seguem a Paulo. Cada um é digno de seu trabalho. Ganha o mais forte, aquele que tem mais dinheiro, mais esperteza, tanto faz ou não entender o Evangelho de Jesus. Esta forma de vida tão grandiosa, tão incomensurável,que trouxe à terra, pois esta norma rege todo o Universo.
   Vais ver , sentir na pele as mazelas do desamor,, da traição, da ingratidão.
Mas vai e luta. Mostre que tudo isto não tem valor nenhum, que tudo isto é uma quimera e que termina ao findar da vida.
   Mas os valores refletidos são  aqueles guardados no seu íntimo, no seu coração, na sua exemplificação, na sua liberdade de expressão. Que os valores são no seu caminho a luz que vem de dentro de si e sai expelindo, aspergindo luminosidade deixando um rastro de beleza por onde passa seguindo as regras de Jesus.
    Ama ao Senhor teu Deus de todo o teu coração e ama com todas as letras o teu próximo como a ti mesmo".



 

Também poderá gostar de:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...